Águia-de-bonelli recuperada pelo RIAS

No passado dia 15 recebemos no RIAS uma ave de rapina muito especial! Esta Águia-de-bonelli (Aquila fasciata) chegou-nos da região de Alcoutim por não conseguir voar.


Foi então realizado um Raio-X, de onde se concluiu que não teria nenhum problema diagnosticável pelo equipamento. Posto isto, e depois de observar a ave numa câmara de recuperação, foi perceptível um problema muscular na asa esquerda, possível de tratar com uma ligadura.


Felizmente, 1 semana depois, foi devolvida à natureza na mesma área onde foi encontrada, para que possa encontrar a sua parceira, caso a tenha. Em 2011, estimava-se haver entre 116 e 123 casais desta espécie em Portugal. No entanto, continua classificada como Em Perigo no Livro Vermelho dos Vertebrados de Portugal, e é por isso importante proteger esta ave.

É uma espécie residente e de grandes dimensões, mas difícil de observar no nosso país. No Algarve e Alentejo, tem preferência por árvores de grande porte como eucaliptos e pinheiros, para nidificar. No entanto, no Norte do país, nidifica em escarpas rochosas.


Obrigada ao proprietário que a encontrou, à GNR que fez o transporte até ao RIAS, e ao Vigilante da Natureza do ICNF de Beja que a devolveu à natureza.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

O que fazer se encontrar uma cria?

Dia Mundial do Pardal

Campanha de Apadrinhamento de Natal 2018