O RIAS é o Centro de Recuperação e Investigação de Animais Selvagens da Ria Formosa e está localizado em Olhão. Desde meados de 2009 a sua gestão está a cargo da Associação ALDEIA, em parceria com o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) e a ANA-Aeroportos de Portugal, através do Aeroporto de Faro.

terça-feira, 27 de fevereiro de 2018

Devolução à Natureza de um cágado-mediterrânico

Devolução à Natureza de um cágado-mediterrânico (Mauremys leprosa)
Quinta de Marim - Olhão
21 de Fevereiro de 2018


Um cágado-mediterrânico foi encontrado numa estrada. Como estava numa situação de perigo foi recolhido e entregue no RIAS. Verificou-se que não tinha lesões e foi prontamente devolvido à natureza.


sexta-feira, 23 de fevereiro de 2018

Educação Ambiental na Quinta de Marim com o Colégio Manuel Bernardes


No passado dia 22 de Fevereiro, o RIAS recebeu a visita das turmas do 8º ano do Colégio Manuel Bernardes. Os alunos tiveram a oportunidade de assistir a uma apresentação sobre o funcionamento de um Centro de Recuperação, quais os seus objectivos e contributos para a sociedade. 


Depois desta palestra iniciou-se um pequeno passeio interpretativo pela Quinta de Marim, passando pelo Moinho de Maré, de forma aos alunos terem um contacto mais próximo com a Ria Formosa e poderem apreciar a sua importância e riqueza biológica.



Visita ao RIAS da Alliance Française


No passado dia 21 de Fevereiro a Alliance Française deslocou-se até às instalações do RIAS para uma visita guiada. Os participantes tiveram a oportunidade de visitar o Centro de Interpretação Ambiental e o edifício da Clínica onde são feitos todos os tratamentos aos animais em recuperação. 




Devolução à Natureza de uma águia-d'asa-redonda (Buteo buteo)
Quinta de Marim - Olhão
21 de Fevereiro de 2018


Depois da visita ao RIAS procedeu-se à devolução à Natureza de uma águia-d'asa-redonda. Esta ave foi resgatada de uma situação de cativeiro ilegal. Após algum tempo em recuperação, e assim que se garantiu que a ave estava em perfeitas condições físicas e a alimentar-se sozinha, foi finalmente devolvida à Natureza pelos seus padrinhos.





quarta-feira, 21 de fevereiro de 2018

Devolução à Natureza de uma águia-d'asa-redonda inserida no projeto “Vem conhecer a fauna selvagem de Loulé”

No passado dia 20 de Fevereiro o RIAS deslocou-se à Escola de Vale de Silves, em Boliqueime para a última actividade do projecto "Vem conhecer a fauna selvagem de Loulé". Após duas sessões em que ficaram a conhecer o RIAS e as espécies mais comuns no Algarve, os alunos tiveram a oportunidade de devolver à natureza uma águia-d'asa-redonda recuperada no RIAS (ver abaixo).

Devolução à Natureza de uma águia-d'asa-redonda (Buteo buteo)
Boliqueime - Loulé
20 de Fevereiro de 2018



Esta águia-d'asa-redonda chegou ao RIAS com uma hemorragia no músculo peitoral e com dificuldade em usar uma das patas. Foram administrados antibiótico e anti-inflamatório.
Quando recuperou das lesões foi submetida a treinos de voo e de caça.




Devolução à Natureza de 2 gaivotas-d'asa-escura e 1 gaivota-de-pata-amarelas

Devolução à Natureza de 2 gaivotas-d'asa-escura (Larus fuscus) e 1 gaivota-de-pata-amarelas (Larus michahellis)
Quinta de Marim - Olhão
19 de Fevereiro de 2018



Duas destas gaivotas ingressaram no RIAS com uma doença debilitante. Estavam muito fracas e com paralisia nas patas e asas, não se conseguindo alimentar sozinhas. Foram tratadas com fluido-terapia. 
A outra gaivota tinha um fractura em cada asa. Foi necessário imobilizar as asas para que as fracturas cicatrizassem correctamente e posteriormente realizaram-se várias sessões de fisioterapia.
No final foram submetidas a treinos de voo.


terça-feira, 20 de fevereiro de 2018

Balanço da Campanha de Recolha de Materiais no Jumbo, Olhão


No passado sábado, dia 17 de Fevereiro de 2018, decorreu mais uma campanha de angariação de materiais no Jumbo do Algarve Outlet, em Olhão.

 
Ao longo de um dia de angariação, o centro conseguiu encher 8,5 carrinhos de compras com os seguintes materiais:


- 380Kg de ração seca para animais
- 109 latas de comida húmida para animais
- 15 embalagens de ração para aves
- 13 frascos de Álcool
- 6 frascos de Betadine
- 8 frascos de Água Oxigenada
- 5 embalagens de algodão
- 18 embalagens de cotonetes
- 42 embalagens de saco para lixo
- 6 embalagens de sacos de congelação
- 112 L de lixívia
- 40 L de detergente para o chão
- 20L de detergente para a loiça
- 22 embalagens de detergente de roupa
- 13 frascos de sabão líquido para mãos
- 36 embalagens de papel higiénico
- 26 embalagens de papel de cozinha
- 13 pares de luvas de cozinha
- 475 pares de luvas de latex
- 79 esponjas de cozinha
- 10 esfregões de cozinha
- 5 packs de panos de cozinha
- 2 resmas de papel

Agradecemos novamente ao Jumbo-Pão de Açúcar de Olhão que nos permitiu a realização desta campanha.


E o RIAS agradece ainda a enorme generosidade de todos os que contribuíram para esta campanha através da doação de materiais essenciais para o trabalho do centro!

Devolução à Natureza de um camaleão-comum

Devolução à Natureza de um camaleão-comum (Chamaeleo chamaeleon)
Quinta de Marim - Olhão
15 de Fevereiro 2018




Este camaleão foi encontrado a atravessar uma estrada. Como não era um local seguro, quem o encontrou encaminhou-o para o RIAS. Verificou-se que não tinha lesões e foi prontamente devolvido à natureza por um voluntário do RIAS. 


Visita ao RIAS de alunos da EB 2,3 Dr. José Neves Junior


No passado dia 15 de Fevereiro o RIAS recebeu a visita de 3 turmas na EB 2, 3 Dr. José Neves Junior. Estes alunos tiveram a oportunidade de visitar o Centro de Interpretação Ambiental do RIAS onde receberam uma explicação sobre o funcionamento de um centro com este. Puderam ainda ver de perto algumas das adaptações e principais características de algumas espécies de animais que recebemos. No final desta visita foi devolvida à Natureza uma águia-d'asa-redonda.




Devolução à Natureza de uma águia-d'asa-redonda (Buteo buteo)
Quinta de Marim - Olhão
15 de Fevereiro de 2018



Foi devolvida à Natureza uma águia-d'asa-redonda no dia 15 de Fevereiro na Quinta de Marim, Olhão. Esta águia ingressou no RIAS devido a uma fractura no rádio-cúbito. Para tratar desta lesão, o membro afectado foi imobilizado com uma ligadura. Assim que ambos os ossos cicatrizaram iniciaram-se os treinos de voo e caça. Pouco tempo depois a águia estava em perfeitas condições físicas e foi devolvida à Natureza.







sexta-feira, 16 de fevereiro de 2018

Devolução à Natureza de 4 ouriços-cacheiro

Devolução à Natureza de 4 ouriços-cacheiro (Erinaceus europeus)
Quinta de Marim - Olhão
14 de Fevereiro de 2018



Quatro ouriços-cacheiros foram encontrados por particulares quando ainda eram pequenas crias. O mais provável é que tenham ficado órfãos e ainda não conseguiam sobreviver sozinhos. No RIAS foram desparasitados e alimentados até ser autónomos.
Foram devolvidos à natureza por quem os encontrou e pelos seus padrinhos.

 



Visita ao RIAS de jovens do Projecto Mud@ki


Um grupo de jovens do projecto Mud@ki visitou o nosso centro de interpretação ambiental, no passado dia 14 de Fevereiro. As oito jovens ficaram a conhecer o nosso trabalho e algumas das espécies mais comuns na Ria Formosa. No final puderam devolver à natureza 2 aves recuperadas no RIAS (ver abaixo).



Devolução de um melro-preto (Turdus merula) e uma pega-azul (Cyanopica cooki)
Quinta de Marim - Olhão
14 de Fevereiro de 2018



Este melro-preto e esta pega-azul entraram nas instalações do RIAS. Assim, os nossos técnicos apanharam para as anilhar e fazer um pouco de sensibilização ambiental com um grupo de jovens que visitou o CIA.




quarta-feira, 14 de fevereiro de 2018

Dia Aberto do RIAS


No passado, sábado, dia 10 de Fevereiro, o RIAS abriu portas pela primeira vez, para realizar um dia repleto de actividades. O evento foi realizado para celebrar os 10 mil gostos na nossa página de Facebook, e aproximar mais a população do nosso trabalho.


Neste dia dinamizamos várias actividades onde os participantes tiveram também a oportunidade de participar em algumas das tarefas diárias no nosso centro de recuperação!

Foram também devolvidos à natureza 1 cegonha-branca e 2 águias-d'asa-redonda.

Participaram cerca de 100 pessoas, a quem agradecemos a presença e os donativos que gentilmente nos ofereceram. Agradecemos também o apoio do Parque Natural da Ria Formosa e do Jumbo de Olhão. 



Actividades:

- Anilhagem científica de aves





- Pinturas faciais para crianças




- Pintura de um mural pelo artista SEN






- Observação de Aves






- Palestra "8 anos de RIAS"






- Participação nas tarefas de alimentação







- Participação nas tarefas da clínica





- Plantação de árvores e remoção de plantas invasoras





- Educação Ambiental para crianças





- Construção de poleiro e abrigos






- Realização de uma necropsia demonstrativa





Devolução à Natureza de uma cegonha-branca (Ciconia ciconia)
Quinta de Marim - Olhão
10 de Fevereiro de 2018


Esta cegonha-branca adulta foi encontrada caída dentro de um poço. Estava bastante molhada pelo que não conseguia voar, mas não apresentava lesões. Assim, a sua passagem pelo RIAS foi rápida, sendo apenas necessário secar as penas e repousar um pouco. Foi devolvida à natureza no dia seguinte pelos participantes do Dia Aberto do RIAS.







Devolução à Natureza de duas águias-d'asa-redonda (Buteo buteo)
Quinta de Marim - Olhão
10 de Fevereiro de 2018



Uma destas águias-d'asa-redonda estava em cativeiro ilegal, apresentando algumas penas estragadas e lesões nas patas resultantes do cativeiro. 
A outra foi encontrada com feridas no corpo e num olho, que se mostraram compatíveis com disparo de caçadeira. Estava também debilitada tendo desenvolvido uma doença provocada por fungos. As feridas foram desinfectadas e iniciou-se um tratamento anti-fúngico. 
Ambas foram submetidas a treinos de voo e de caça antes de serem devolvidos à natureza.










Obrigada a todos pelo vosso apoio!



Donativos recebidos durante o Dia Aberto