O RIAS é o Centro de Recuperação e Investigação de Animais Selvagens da Ria Formosa e está localizado em Olhão. Desde meados de 2009 a sua gestão está a cargo da Associação ALDEIA, em parceria com o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) e a ANA-Aeroportos de Portugal, através do Aeroporto de Faro.

quinta-feira, 9 de novembro de 2017

3ª Edição do Curso Prático: Introdução à Medicina de Fauna Selvagem


A 3ª edição do Curso Prático: Introdução à Medicina de Fauna Selvagem, teve lugar nos dias 3, 4 e 5 de Novembro e, mais uma vez, a actividade esgotou com 30 participantes. 

No primeiro dia do curso foi feita uma apresentação sobre o funcionamento de um centro de recuperação de animais selvagens. Foi também feita uma palestra sobre a identificação dos mamíferos, répteis e aves que mais comummente ingressam no RIAS.


No segundo dia, após uma manhã dedicada, mais uma vez, à identificação de fauna silvestre, iniciou-se a abordagem às temáticas ligadas à parte veterinária: recepção e diagnóstico inicial dos animais. Foram realizadas duas palestras, com componente prática, sobre primeiros-socorros e recuperação de animais marinhos.


No último dia do curso, após uma primeira parte dedicada às diferentes causas de admissão e à medicina legal em fauna selvagem, os participantes visitaram também as instalações do RIAS.







Devolução à Natureza de um águia-calçada (Aquila pennata)
Quinta de Marim - Olhão
5 de Novembro de 2017



Uma águia-calçada foi devolvida à Natureza no dia 5 de Novembro na Quinta de Marim, Olhão. Esta águia ingressou no RIAS com uma fractura antiga no cúbito direito e com uma infecção de Trichomonas. Após todas as lesões terem sido tratadas, e depois de terem sido executados treinos de voo e de caça com sucesso, a águia-calçada foi devolvida à Natureza. Este momento contou com a presença dos participantes da 3ª edição do Curso Prático: Introdução à Medicina de Fauna Selvagem.



Sem comentários: