O RIAS é o Centro de Recuperação e Investigação de Animais Selvagens da Ria Formosa e está localizado em Olhão. Desde meados de 2009 a sua gestão está a cargo da Associação ALDEIA, em parceria com o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) e a ANA-Aeroportos de Portugal, através do Aeroporto de Faro.

sexta-feira, 17 de março de 2017

Devoluções à Natureza de dia 15 de Março de 2017

Devolução à Natureza de um cágado-mediterrânico (Mauremys leprosa) e um ouriço-cacheiro (Erinaceus europaeus)
Ludo - Almancil
15 de Março de 2017




Um cágado-mediterrânico ingressou no RIAS depois de ter sido atropelado. Tinha uma fractura no plastrão que foi necessário imobilizar. As fracturas nas carapaça podem levar vários anos a cicatrizar pelo que assim que ficou estável e sem risco de piorar foi devolvido à natureza.


O ouriço-cacheiro foi encontrado em Faro quando era ainda uma pequena cria e foi necessário alimentá-lo para crescer e ganhar peso.


Estes animais foram apadrinhados por 2 turmas de 6ºano da Escola Básica Santo António de Faro, que os devolveram à natureza e os baptizaram de "Mia" e "Benny".




Devolução à Natureza de dois ouriços-cacheiros (Erinaceus europaeus)
Quinta de Marim - Olhão
15 de Março de 2017




Este dois ouriços-cacheiros ficaram órfãos quando eram ainda pequenas crias. Ainda não eram capazes de sobreviver sozinhos e por isso foram encaminhados para o RIAS. A sua recuperação consistiu em alimentação adequada e socialização com outros ouriços.


Foram devolvidos à natureza pelas suas madrinhas que os baptizaram de "Pica" e "Beauty".



Sem comentários: