O RIAS é o Centro de Recuperação e Investigação de Animais Selvagens da Ria Formosa e está localizado em Olhão. Desde meados de 2009 a sua gestão está a cargo da Associação ALDEIA, em parceria com o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) e a ANA-Aeroportos de Portugal, através do Aeroporto de Faro.

segunda-feira, 7 de novembro de 2016

Devoluções à Natureza de dia 28 de Outubro de 2016

Devolução à Natureza de uma gaivota-de-patas-amarelas (Larus michahellis)
Quinta de Marim - Olhão
28 de Outubro de 2016


 
Uma gaivota-de-patas-amarelas foi encontrada no concelho de Loulé. Tinha diarreia, paralisia das patas e asas e estava desidratada. Primeiro foi necessário hidratá-la com fluídos, posteriormente começou a ser alimentada com papa e só depois com peixe.
No final da recuperação foi submetida a treinos de voo. Foi devolvida à natureza por quem a encontrou.





Devolução à Natureza de um peneireiro-vulgar (Falco tinnunculus)
Edifico da Segurança Social - Faro
28 de Outubro de 2016


Um peneireiro-vulgar foi encontrado em Faro. Era uma fêmea grávida com uma fractura no húmero esquerdo. Devido ao stress da lesão e do cativeiro a fêmea abandonou o ovo. Para curar a fractura levou antibiótico e imobilizou-se a asa afectada para que esta ossificasse correctamente. Após um mês a ligadura foi retirada e iniciou-se fisioterapia para recuperar total mobilidade da asa.


No final foi submetida a treinos de voo e de caça.
Foi devolvida à natureza por trabalhadores Segurança Social de Faro e seus familiares que o apadrinharam e baptizaram de "Clariss". 




Sem comentários: