O RIAS é o Centro de Recuperação e Investigação de Animais Selvagens da Ria Formosa e está localizado em Olhão. Desde meados de 2009 a sua gestão está a cargo da Associação ALDEIA, em parceria com o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) e a ANA-Aeroportos de Portugal, através do Aeroporto de Faro.

sexta-feira, 26 de agosto de 2016

Devoluções à Natureza de dia 25 de Agosto de 2016

Devolução à Natureza de um peneireiro-comum (Falco tinnunculus)
Quinta de Marim - Olhão
25 de Agosto de 2016



 Um peneireiro-comum foi encontrado em Faro após ter caído do ninho. A sua recuperação consistiu essencialmente em treinos de voo e de caça. 
Foi devolvido à natureza pela família que o apadrinhou e que o baptizou de "Lusitana", uma vez que foi encontrado no Dia de Portugal.





video


Devolução à Natureza de duas cegonhas-brancas (Ciconia ciconia)
Quinta de Marim - Olhão
25 de Agosto de 2016



Uma cegonha-branca ingressou no RIAS devido a ferimentos provocados por fio de pesca, na pata esquerda e na boca. O seu tratamento consistiu em desinfectar e limpar as feridas.
A segunda cegonha tinha uma fractura na clavícula esquerda e uma ferida no músculo da mesma asa. Foi necessário imobilizar a fractura e administrar anti-inflamatório.



Foram devolvidas à natureza por voluntários do RIAS que as baptizaram de "Jeremias" e "Eslovénia".

video


Devolução à Natureza de um mocho-galego (Athene noctua)
Restaurante Boavida - Praia do Ancão
25 de Agosto de 2016



Este mocho-galego foi encontrado junto a um restaurante na praia do Ancão. Era um juvenil que caiu do ninho e foi necessário alimentá-lo até as penas necessárias ao voo se desenvolvessem. Posteriormente foi submetido a treinos de voo e de caça.


Foi devolvido à natureza no mesmo local onde foi encontrado, o Restaurante Boavida, na praia do Ancão. Os clientes do estabelecimento que participaram na libertação baptizaram-no de "Boavida". 




video


Sem comentários: