O RIAS é o Centro de Recuperação e Investigação de Animais Selvagens da Ria Formosa e está localizado em Olhão. Desde meados de 2009 a sua gestão está a cargo da Associação ALDEIA, em parceria com o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) e a ANA-Aeroportos de Portugal, através do Aeroporto de Faro.

quinta-feira, 25 de agosto de 2016

Devoluções à Natureza de dia 23 de Agosto de 2016

Devolução à Natureza de dois cágados-mediterrânicos (Mauremys leprosa)
Quinta de Marim - Olhão
23 de Agosto de 2016




Um cágado-mediterrânico foi encontrado por um técnico do RIAS perto de uma estrada. Como era um local perigoso para o animal, foi recolhido para devolve-lo à natureza num local seguro.

O outro cágado chegou-nos com um fio de pesca a sair da boca (ver imagem a baixo). Ao realizar o exame físico averiguou-se que tinha engolido um anzol, que estava demasiado fundo para remover em segurança. Como se verificou que o anzol não impedia a alimentação nem causava dor ao animal, optou-se por não o retirar.




Devolução à Natureza de dois ouriços-cacheiros (Erinaceus europaeus)
Quinta de Marim - Olhão
23 de Agosto de 2016



Um deste ouriços era uma cria órfão que foi encontrada em Faro. A sua recuperação consistiu em desparasitação interna e externa e alimentação adequada.
O outro ouriço foi encontrado em Moncarapacho e tinha ferimentos perfurantes na parte dorsal, provavelmente provocado por um cão. Foi administrado antibiótico até que as feridas cicatrizassem.


Foram devolvidos à natureza por quem encontrou um dos ouriços e por técnicos do DCNF Algarve, sendo que ficaram baptizados de "Spiky" e "Max".

video


Sem comentários: