O RIAS é o Centro de Recuperação e Investigação de Animais Selvagens da Ria Formosa e está localizado em Olhão. Desde meados de 2009 a sua gestão está a cargo da Associação ALDEIA, em parceria com o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) e a ANA-Aeroportos de Portugal, através do Aeroporto de Faro.

quinta-feira, 7 de julho de 2016

Devolução à natureza de 5 gaivotas-de-patas-amarelas

Devolução à natureza de 5 gaivotas-de-patas-amarelas (Larus michahellis)
Quinta de Marim - Olhão
23 de Junho de 2016

Estas 5 gaivotas-de-patas-amarelas foram entregues no RIAS pelos Vigilantes da Natureza do Parque Natural da Ria Formosa. Eram provenientes de Portimão, Lagos, Albufeira e Armação de Pêra. 


Uma das gaivotas apresentava uma luxação na pata direita tendo sido necessário imobilizar a articulação com uma tala. Esta lesão foi provocada por um fio de pesca que estava enrolado na pata e no corpo desta ave. 
Outra das gaivotas apresentava uma fractura na asa direita que foi imobilizada com ligadura. 
As outras 3 gaivotas apresentavam sintomas de doença gastrointestinal e o seu tratamento foi realizado com fluidoterapia e alimentação adequada. 


Todas as gaivotas treinaram o voo numa instalação exterior do RIAS antes de serem libertadas. 


Sem comentários: