O RIAS é o Centro de Recuperação e Investigação de Animais Selvagens da Ria Formosa e está localizado em Olhão. Desde meados de 2009 a sua gestão está a cargo da Associação ALDEIA, em parceria com o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) e a ANA-Aeroportos de Portugal, através do Aeroporto de Faro.

sexta-feira, 6 de maio de 2016

Devoluções à Natureza de dia 4 de Maio de 2016

Devolução à Natureza de um melro-preto ( Turdus merula)
Quinta de Marim - Olhão
4 de Maio de 2016


Um melro-preto ingressou no RIAS sem lesões, mas sem penas na cauda. Teve alguns dias para observação, mas verificou-se que mesmo sem cauda voava bem pelo que ao fim de alguns dias foi devolvido à natureza.





Devolução à Natureza de uma gaivota-d'asa-escura ( Larus fuscus) e duas gaivotas-de-patas-amarelas ( Larus michahellis)
Quinta de Marim - Olhão
4 de Maio de 2016



Locais de origem - Portimão e Albufeira
Causa de ingresso - Doença
Sintomas - Paralisia, debilidade, diarreia
Tempo de recuperação - Aproximadamente um mês 





Devolução à Natureza de um noitibó-de-nuca-vermelha ( Caprimulgus ruficollis)
Quinta de Marim - Olhão
4 de Maio de 2016


Um noitibó-de-nuca-vermelha foi encontrado em Castro Marim. Não tinha qualquer lesão e estava com boa condição física pelo que foi prontamente devolvido à natureza.




Sem comentários: