O RIAS é o Centro de Recuperação e Investigação de Animais Selvagens da Ria Formosa e está localizado em Olhão. Desde meados de 2009 a sua gestão está a cargo da Associação ALDEIA, em parceria com o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) e a ANA-Aeroportos de Portugal, através do Aeroporto de Faro.

terça-feira, 5 de janeiro de 2016

Devolução à Natureza de 5 gaivotas-de-patas-amarelas e 3 gaivotas-d'asa-escura

Devolução à Natureza de 5 gaivotas-de-patas-amarelas (Larus michahellis) e 3 gaivotas-d'asa-escura (Larus fuscus)
Quinta de Marim - Olhão
29 de Dezembro de 2015



Quatro destas gaivotas ingressaram devido a doença. Apresentavam sintomas de debilidade, diarreia e paralisia. O seu tratamento consistiu em administração de fluídos e alimentação assistida até recuperarem forças.
Outra das gaivotas foi encontrada em Lagoa por um particular. Tinha uma asa fracturada e foi necessário imobilizar a asa afectada para que cicatriza-se correctamente. Quando a ligadura foi retirada foram realizadas sessões de fisioterapia.
As restantes três gaivotas foram encontradas ainda juvenis após terem caído do ninho. Ainda não tinham autonomia para se alimentar sozinhas nem penas para voar. Assim foi necessário alimentá-las e ficaram no nosso centro por vários meses até serem autónomas. 

Foram devolvidas à natureza por voluntários e técnicos do RIAS.


Sem comentários: