O RIAS é o Centro de Recuperação e Investigação de Animais Selvagens da Ria Formosa e está localizado em Olhão. Desde meados de 2009 a sua gestão está a cargo da Associação ALDEIA, em parceria com o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) e a ANA-Aeroportos de Portugal, através do Aeroporto de Faro.

sexta-feira, 27 de novembro de 2015

Apreensão de passarinhos pelo SEPNA de Faro

No passado dia 26 de Novembro o SEPNA de Faro realizou uma apreensão de 38 passarinhos que foram capturados para alimentação. Os animais pertenciam a quatro espécies diferentes de passeriformes da nossa fauna: 13 piscos-de-peito-ruivo (Erithacus rubecula), 1 toutinegra-de-cabeça-preta (Sylvia melanocephala), 1 ferreirinha-comum (Prunella modularis) e  23 toutinegra-de-barrete-preto (Sylvia atricapilla).


Alguns dos indivíduos já estavam depenados e em alguns era bastante visível o dano feito pelas armadilhas utilizadas.

A captura de aves, ou qualquer animal da nossa fauna, para manter em cativeiro ou para alimentação é proibida!

Se tiver conhecimento de alguma situação denuncie ao SEPNA (GNR) mais próximo ou à Linha SOS Ambiente e Território (808 200 520).





A SPEA - Sociedade Portuguesa para o Estudo das Aves lançou em parceria com a ALDEIA (particularmente através dos centros de recuperação de fauna selvagem CERVAS e RIAS), A Rocha, a LPN e a Quercus, a campanha “Diga NÃO aos passarinhos na gaiola e no prato” com o objetivo de colocar na ordem do dia o tema da captura e venda ilegal de aves.

Mais informações sobre esta campanha em: 

1 comentário:

Bernardo disse...

Muito bem!!! Mas, quero ver então qual a opinião sobre a caça à rola brava, patos e pombos.