O RIAS é o Centro de Recuperação e Investigação de Animais Selvagens da Ria Formosa e está localizado em Olhão. Desde meados de 2009 a sua gestão está a cargo da Associação ALDEIA, em parceria com o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) e a ANA-Aeroportos de Portugal, através do Aeroporto de Faro.

quarta-feira, 16 de setembro de 2015

Devolução à Natureza de 6 gaivotas-de-patas-amarelas

Devolução à Natureza de 6 gaivotas-de-patas-amarelas (Larus michahellis)
Quinta de Marim - Olhão
9 de Setembro de 2015



Cinco gaivotas-de-patas-amarelas ingressaram no RIAS devido a queda de ninho, vindas de Portimão (duas), Armação de Pera, Albufeira e Lagos. Não apresentavam lesões pelo que o seu tratamento consistiu em alimentação e posteriores treinos de voo. Uma destas gaivotas ingressou no nosso centro com apenas 45 gramas e foi libertada com 875 gramas!
A outra foi encontrada por um particular em Portimão e apresentava uma fractura no coracóide, um osso localizado por trás da clavícula e que é essencial para o voo. Foi necessário ligar a asa afectada ao corpo de forma a imobilizá-la para que a fractura cicatrizasse correctamente. Posteriormente foi realizada fisioterapia e por fim treinos de voo. 
Foram devolvidas à natureza por técnicos e voluntários do RIAS.




Sem comentários: