O RIAS é o Centro de Recuperação e Investigação de Animais Selvagens da Ria Formosa e está localizado em Olhão. Desde meados de 2009 a sua gestão está a cargo da Associação ALDEIA, em parceria com o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) e a ANA-Aeroportos de Portugal, através do Aeroporto de Faro.

quinta-feira, 14 de maio de 2015

Devoluções à Natureza de dia 11 de Maio de 2015

Devolução à natureza de um cágado-mediterrânico (Mauremys leprosa
Quinta de Marim - Olhão
11 de Maio de  2015



Este cágado-mediterrânico ingressou no RIAS após ter sido encontrado numa estrada por um particular. Aparentava ter estado em cativeiro por uns tempos, no entanto não apresentava lesões nem comportamentos estranhos à espécie. Foi mantido no centro durante o dia para observação tendo sido devolvido à natureza por visitantes do Parque Natural da Ria Formosa - Quinta de Marim.


Devolução à natureza de um andorinhão-preto (Apus apus)
Quinta de Marim - Olhão
11 de Maio de 2015



O andorinhão-preto foi encontrado no chão por um particular, que o encaminhou para o RIAS, não apresentado qualquer tipo de lesão. 
Como são animais que passam grande parte da sua vida em voo, pousando apenas em situações muito específicas (como para fazer o ninho), precisam  de altura ou um grande impulso para voltar a voar.
Este andorinhão passou o dia em observação no Centro, no fim do qual foi libertado por uma voluntária do RIAS.

video


Sem comentários: