O RIAS é o Centro de Recuperação e Investigação de Animais Selvagens da Ria Formosa e está localizado em Olhão. Desde meados de 2009 a sua gestão está a cargo da Associação ALDEIA, em parceria com o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) e a ANA-Aeroportos de Portugal, através do Aeroporto de Faro.

sexta-feira, 31 de outubro de 2014

Devoluções à Natureza de dia 16 de Outubro de 2014

Devolução à Natureza de uma gaivota-d'asa-escura (Larus fuscus)
Quinta de Marim - Olhão
16 de Outubro de 2014




Esta gaivota-d'asa-escura foi encontrada em Olhos de Água por um particular e foi encaminhada para o RIAS pelos Vigilantes do Parque Natural da Ria Formosa. Apresentando sintomas de uma doença debilitante, o seu tratamento consistiu na administração de fluídos e alimentação assistida, até que o conseguisse fazer por si. Uma vez de pé e a alimentar-se sozinha foi submetida a treinos de voo, tendo sido devolvido  por uma técnica do RIAS.


Devolução à Natureza de uma garça-boieira (Bubulcus ibis)
Quinta de Marim - Olhão
16 de Outubro de 2014




Uma garça-boieira foi encontrada na Quinta de Marim com as penas molhadas, suja e muito debilitada. A sua recuperação consistiu em fornecer-lhe alimento e várias sessões de limpeza da plumagem. Posteriormente foi submetida a treinos de voo e foi libertada por quem a encontrou.



Devolução à Natureza de um ouriço-cacheiro (Erinaceus europaeus)
Quinta de Marim - Olhão
16 de Outubro de 2014




Este ouriço ingressou no RIAS após ter sido encontrado órfão por um particular. Como era ainda muito pequeno foi necessário alimentá-lo e controlar o seu peso. Já com um tamanho e peso razoáveis foi devolvido à natureza por uma técnica do RIAS.



Devolução à Natureza de um mocho-galego (Athene noctua)
Quinta de Marim - Olhão
16 de Outubro de 2014



O mocho-galego foi encontrado  por um particular na zona de São Brás de Alportel. Apresentava uma fractura numa das asas e foi necessário imobilizar a mesma até que sarasse. Após algum tempo de fisioterapia foi submetido a treinos de voo e caça, tendo sido devolvido à natureza por uma técnica do RIAS.

Devolução à Natureza de um cágado-mediterrânico

Devolução à Natureza de um cágado-mediterrânico (Mauremys leprosa)
Quinta de Marim - Olhão
14 de Outubro de 2014





Este cágado-mediterrânico ingressou no RIAS após ter sido encontrado na estrada da Quinta de Marim, por visitantes do Parque Natural. Como estava em perfeitas condições físicas foi imediatamente devolvido à natureza num local mais seguro para a espécie, por uma voluntária do centro.


sexta-feira, 24 de outubro de 2014

Educação ambiental no Jardim de Infância da Patã


A convite da Associação Almargem e em parceria com a Câmara Municipal de Loulé o RIAS foi ao jardim de infância da Patã realizar actividades de educação ambiental. Nas actividades, realizadas em conjunto por técnicas do RIAS e por uma técnica da Almargem, participaram 17 crianças que no final devolveram à natureza uma gaivota-de-patas-amarelas por elas apadrinhada.





Devolução à Natureza de uma gaivota-de-patas-amarelas (Larus michahellis)
Patã - Loulé
14 de Outubro de 2014





Ingressou no RIAS uma gaivota-de-asa-escura, que foi encontrada em Armação de Pêra por um particular. Esta gaivota apresentava sinais de uma doença debilitante, que a impedia de se levantar e alimentar por si só. A sua recuperação consistiu na administração de fluídos e alimentação assistida até que esta se aguentasse de pé e comesse sozinha, tendo sido posteriormente submetida a treinos de voo. Foi libertada pelos alunos do Jardim de Infância da Patã que a baptizaram de "Xuca".


quarta-feira, 22 de outubro de 2014

Concerto de Beneficência Rock 'n' RIAS




 No passado dia 11 de Outubro o RIAS organizou juntamente com o Moto Clube de Faro um concerto solidário a favor do Centro, tendo como banda convidada os SaintGarden que aceitaram este desafio com todo o gosto! Ao longo do concerto, que contou com mais de uma centena de pessoas, foram ainda vendidas rifas com diversos prémios doados por vários patrocinadores.










O RIAS agradece a todos os envolvidos na organização deste evento, em particular ao Motoclube de Faro e Bar - que nos cederam tudo o que foi necessário, Orlando do Ó pelos cartazes espectaculares, SaintGarden pela disponibilidade demonstrada e todo o espectáculo, e ainda a todos os patrocinadores, que de uma forma ou de outra ajudaram a que este concerto se tornasse possível.





Muito obrigada!


Hora do Conto na Quinta do Peral


No passado dia 11 de Outubro o RIAS deslocou-se à Quinta do Peral para realizar a actividade "Hora do Conto". O conto, intitulado "Mauro e Emíla" de Mafalda Alves, remete para a importância de preservar a nossa fauna selvagem e para o problema das espécies invasoras.



Depois do conto os participantes tiveram ainda a oportunidade de realizar diversas actividades didácticas relacionadas com o mesmo.







Devoluções à Natureza de dia 10 de Outubro de 2014

Devolução à Natureza de uma coruja-das-torres (Tyto alba)
Quinta de Marim - Olhão
10 de Outubro de 2014





A coruja-das-torres foi encontrada em Aljustrel completamente coberta de cinza, o que a impedia de voar. Foi encaminhada para o RIAS pelos Vigilantes da Natureza do Vale do Guadiana, tendo a sua recuperação consistido em várias sessões de limpeza das penas e alimentação. Após ter as penas todas limpas foi submetida a treinos de voo e caça, tendo sido libertada pelos pais de uma técnica do RIAS.



Devolução à Natureza de dois ouriços-cacheiros (Erinaceus europaeus)
Quinta de Marim - Olhão
10 de Outubro de 2014






Estes ouriços-cacheiros ingressaram no RIAS após terem sido encontrados órfãos, por um particular. Como eram muito jovens a sua recuperação consistiu em alimentação e controlo de peso. Já com um tamanho e peso razoáveis para a sua sobrevivência na natureza foram libertados por quem os encontrou.


sábado, 18 de outubro de 2014

Devolução à Natureza de três cágados-mediterrânicos

Devolução à Natureza de três cágados-mediterrânicos (Mauremys leprosa)
Quinta de Marim - Olhão
9 de Outubro de 2014


Um cágado-mediterrânico foi encontrado na estrada perto da Quinta de Marim e foi reencaminhado para o RIAS por um vigilante da natureza do Parque Natural da Ria Formosa. Os outros dois indivíduos foram entregues no RIAS pelo departamento de veterinária da Câmara Municipal de Olhão, que os resgatou de um pequeno lago no jardim municipal. Os três animais não apresentavam lesões pelo que o seu tratamento consistiu em alimentação e observação do seu comportamento. Foram devolvidos à natureza por voluntários do RIAS.





Educação Ambiental em São Brás de Alportel :: Parceria Quinta do Peral



No passado dia 8 de Outubro o RIAS foi a duas escolas de 1º ciclo em São Brás de Alportel. Esta actividade resulta de uma parceria com a Quinta do Peral e foi inserida nas comemorações do Dia do Animal. Três turmas puderam aprender um pouco mais sobre a fauna selvagem portuguesa e a importância dos centros de recuperação de animais selvagens.



Devoluções à Natureza de dia 8 de Outubro de 2014

Devolução à Natureza de um cágado-mediterrânico (Mauremys leprosa)
Quinta de Marim - Olhão
8 de Outubro de 2014




Um cágado-mediterrânico ingressou no RIAS proveniente de cativeiro ilegal. O animal não apresentava lesões e foi mantido alguns dias no RIAS para observação do seu comportamento. Verificando-se que se encontrava bem foi devolvido à natureza por visitantes do CIA.


Devolução à Natureza de um sapo-comum (Bufo bufo) e de uma rã-verde (Rana peresi)
Quinta de Marim - Olhão
8 de Outubro de 2014




Um sapo-comum e uma rã-verde foram encontrados na piscina de uma moradia em Olhão. O sapo encontrava-se preso no filtro e a rã estava no fundo da piscina. Quem os encontrou reencaminhou-os para o RIAS e verificando-se que não tinham lesões foram imediatamente devolvidos à natureza.



quarta-feira, 15 de outubro de 2014

Devolução à Natureza de uma coruja-das-torres

Devolução à Natureza de uma coruja-das-torres (Tyto alba)
Quinta de Marim - Olhão
6 de Outubro de 2014



Esta coruja-das-torres foi encontrada na Quinta de Marim após ter caído do ninho. Como era ainda muito jovem foi necessário alimentá-la até que crescessem todas as penas necessárias ao voo. Foi então submetida a treinos de voo e caça, tendo sido devolvida à natureza por quem a encontrou.


Festival de Birdwatching de Sagres :: Devolução à Natureza de uma águia-cobreira

O RIAS esteve presente em mais uma edição do Festival de Birdwatching de Sagres. Durante o evento houve uma exposição de fotografia do nosso colaborador Thijs Valkenburg e, no último dia, a nossa equipa realizou a devolução à natureza de uma águia-cobreira recuperada no centro. Esta actividade foi um sucesso tendo contado com cerca de 80 participantes.



Devolução à Natureza de uma águia-cobreira (Circaetus gallicus)
Sagres - Vila do Bispo
5 de Outubro 2014





Uma águia-cobreira foi encaminhada para o RIAS pelos Vigilantes do Parque Natural do Vale do Guadiana após ter caído do ninho. Como era muito jovem foi necessário fornecer-lhe alimento até que crescessem todas as penas necessárias ao voo. Foi então submetida a treinos de voo e caça, tendo sido libertada pelo Presidente da Câmara Municipal de Sagres e baptizada de "António". 




Devolução à Natureza de um bufo-pequeno

Devolução à natureza de um bufo-pequeno (Asio otus)
Sagres - Vila do Bispo
4 Outubro 2014




Um bufo-pequeno foi encontrado em Moura após ter caído do ninho e foi encaminhado para o RIAS através da rede de recolha de animais selvagens (SEPNA Moura - Parque Natural do Vale do Guadiana - Parque Natural da Ria Formosa). Como ainda era muito jovem a sua recuperação baseou-se em alimentação até que crescessem todas as penas necessárias ao voo.

Por estar em cativeiro algumas penas da cauda sofreram estragos, assim foi necessário fazer um enxerto de penas (chamado imping) nessa zona. Foi então submetido a treinos de voo e caça, tendo sido devolvido à natureza por um técnico do RIAS.


Dia GIRO :: Devolução à Natureza de uma águia-cobreira


O RIAS foi convidado pelo Grupo Flamingo a participar no Dia Giro (organizado pela GRACE) em Monchique. Este dia de voluntariado contou com várias dezenas de voluntários que procederam à plantação de carvalhos na serra de Monchique e terminou com a devolução à natureza de uma águia-cobreira (ver abaixo).

Devolução à Natureza de uma águia-cobreira (Circaetus gallicus)
Foia - Serra de Monchique
3 de Outubro 2014




Esta águia-cobreira foi encontrada perto de Loulé. O animal tinha em ambas as patas umas braçadeiras com correntes, o que indica que teria estado em cativeiro ilegal de onde conseguiu escapar. O seu tratamento consistiu em alimentação e foi colocada com outro individuo da mesma espécie para treinar o voo e a caça. Uma vez recuperada foi devolvida à natureza por participantes do Dia GIRO.


quinta-feira, 9 de outubro de 2014

Devoluções à Natureza de dia 3 de Outubro de 2014

Devolução à Natureza de dois andorinhões-pálidos (Apus pallidus)
Quinta de Marim - Olhão
3 de Outubro de 2014





Dois andorinhões-pálidos foram encontrados em Faro e Olhão, e encaminhados para o RIAS após terem caído do ninho. Como eram ainda muito jovens, foi necessário assistir na sua alimentação até que crescessem todas as penas necessárias ao voo. Durante a sua estadia no centro foram feito treinos de fortalecimento dos músculos das asas. Foram libertados por uma voluntária do RIAS e uma visitante do nosso Centro de Interpretação Ambiental.





Devolução à Natureza de uma rola-turca (Streptopelia decaoto)
Quinta de Marim - Olhão
3 de Outubro de 2014



Uma rola-turca foi encontrada por um particular em Olhão. O animal tinha sido vitima de predação e encontrava-se com feridas no dorso. A sua recuperação consistiu em administração de antibiótico e limpeza das feridas. Foi devolvida à natureza por quem a encontrou.


terça-feira, 7 de outubro de 2014

Devolução à Natureza de um andorinhão-pálido

Devolução à Natureza de um andorinhão-pálido (Apus pallidus)
Quinta de Marim - Olhão
2 de Outubro 2014





Um andorinhão-pálido foi encontrado na zona de Tavira após ter caído do ninho. A sua recuperação consistiu em alimentação até crescerem todas as penas necessárias ao voo. O animal foi devolvido à natureza por uma técnica do RIAS.



Comemorações do aniversário do RIAS - "Cinco anos, cinco bichos"

Devolução à Natureza de um peneireiro-vulgar (Falco tinnunculus)
São Brás de Alportel
1 de Outubro de 2014



Um peneireiro-vulgar foi entregue no RIAS por um particular que o encontrou. Tinha o ombro um pouco inchado, mas sem lesão grave, e encontrava-se com pouca reacção aos estímulos, pelo que se suspeita que tenha colido com uma estrutura. A sua recuperação foi rápida e consistiu em alimentação e treinos de voo e caça. Foi devolvido à natureza por um voluntário do RIAS sendo baptizado de "Pantufa".




Devolução à Natureza de uma corujas-das-torres (Tyto alba)
Rocha da Pena - Loulé
1 de Outubro de 2014





A coruja-das-torres era ainda juvenil e terá caído do ninho na zona de Beja. Foi necessário alimentá-la até que todas as penas necessárias ao voo crescessem. 
Foi posteriormente submetida a treinos de voo e de caça, tendo sido devolvida à natureza por uma colaboradora do RIAS que a chamou de "Matumbina".


Devolução à Natureza de três bufos-reais (Bubo bubo)
Rocha da Pena - Loulé
1 de Outubro de 2014





Os três bufos-reais chegaram ao RIAS por intermédio do SEPNA de Beja e do Parque Natural do Vale do Guadiana. Os animais encontravam-se em cativeiro ilegal desde muito jovens. As penas essenciais ao voo estavam cortadas pelo que, de forma a acelerar o processo de recuperação, foi necessário proceder à implantação das penas estragadas. 

Penas da asa de um bufo cortadas/danificadas 

Após este procedimento os animais foram submetidos a treinos de voo. Quando se verificou que voavam bem foram submetidos a treinos de caça para treinar os seus instintos. Os três bufos foram devolvidos à natureza por voluntários e colaboradores do RIAS, que os baptizaram de "Manuel Pinto", "RIAS" e "Billy". 




quarta-feira, 1 de outubro de 2014

Devolução à Natureza de um andorinhão-pálido

Devolução à Natureza de um andorinhão-pálido (Apus pallidus)
Tavira
26 de Setembro de 2014



Um andorinhão-pálido foi encontrado na cidade de Tavira após ter caído do ninho. O juvenil não apresentava ferimentos e o seu tratamento consistiu em alimentação até ter as penas totalmente desenvolvidas. O andorinhão foi devolvido à natureza por quem o encontrou.



Devolução à Natureza de um andorinhão-pálido

Devolução à Natureza de um andorinhão-pálido (Apus pallidus)
Quinta de Marim - Olhão
23 de Setembro de 2014



Um andorinhão-pálido foi encontrado na zona de Quarteira por um particular. O animal era ainda juvenil e deverá ter caído do ninho ao tentar o primeiro voo. Foi necessário alimentá-lo até ter as penas totalmente desenvolvidas e boa condição corporal. O andorinhão foi devolvido à natureza por técnicos do RIAS e foi baptizado de "Kiko" por quem o encontrou.



Devolução à Natureza de um andorinhão-pálido

Devolução à Natureza de um andorinhão-pálido (Apus pallidus)
Quinta de Marim - Olhão
21 de Setembro de 2014



Um andorinhão-pálido foi encontrado na zona de Olhão por um particular. O animal era ainda juvenil e deverá ter caído do ninho ao tentar o primeiro voo. Foi necessário alimentá-lo até que crescessem todas as penas necessárias ao voo. O andorinhão foi devolvido à natureza por técnicos do RIAS.

5º Aniversário do RIAS

Hoje o RIAS celebra o 5º aniversário!



Agradecemos a todos os que contribuíram e contribuem para o sucesso deste projecto.

Obrigado!