O RIAS é o Centro de Recuperação e Investigação de Animais Selvagens da Ria Formosa e está localizado em Olhão. Desde meados de 2009 a sua gestão está a cargo da Associação ALDEIA, em parceria com o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) e a ANA-Aeroportos de Portugal, através do Aeroporto de Faro.

sexta-feira, 15 de março de 2013

Workshop Prático de Recuperação de Animais Silvestres, 15ª Edição



12 a 14 de Abril de 2013

Olhão - Ecoteca de Olhão/Casa João Lúcio

Todas as informações e inscrições disponíveis AQUI!!!

Inscreve-te já!!!!

sexta-feira, 8 de março de 2013

Devolução à Natureza de um mocho-galego

Devolução à Natureza de um mocho-galego (Athene noctua)
Marim - Olhão
7 de Fevereiro de 2013



Este mocho-galego foi entregue no RIAS no dia 21 de Janeiro pelos Vigilantes da Natureza do Parque Natural da Ria Formosa. Foi recolhido após ter colidido com uma viatura e apresentava uma pequena hemorragia num dos olhos. Após a resolução da lesão, este pequeno mocho foi sujeito a treinos de voo e caça juntamente com outros indivíduos da mesma espécie.

Foi devolvido à natureza pela sua madrinha que o baptizou de "Paco".


Devolução à Natureza de uma águia-de-asa-redonda

Devolução à Natureza de uma águia-de-asa-redonda (Buteo buteo)
Entradas - Castro Verde
6 de Fevereiro de 2013


Esta águia-de-asa-redonda foi entregue no RIAS no dia 15 de Novembro de 2012 pelos Vigilantes da Natureza do Parque Natural do Vale do Guadiana após ter sido recolhida pelos técnicos da Liga para a Protecção da Natureza no Vale Gonçalinho (Castro Verde).


O animal encontrava-se bastante debilitado e apresentava algumas penas partidas quando chegou ao RIAS. O seu processo de recuperação consistiu em alimentação adequada até atingir a condição corporal ideal e assim que concluiu a substituição das penas de voo partidas, esta ave foi também sujeita a treinos de voo e caça juntamente com outras águias.


Foi devolvida à natureza pelos alunos da Escola Primária de Entradas, numa actividade conjunta com a LPN. Foi baptizado de "Entradas" no momento da libertação.



terça-feira, 5 de março de 2013

Devolução à Natureza de um peneireiro-vulgar


Devolução à Natureza de um peneireiro-vulgar (Falco tinnunculus)
Quinta de Marim – Olhão
2 de Fevereiro de 2013


Este peneireiro-vulgar embateu no edifício da Delta em Faro durante a noite de 2 de Fevereiro de 2013, tendo sido recolhido pelo segurança da empresa que o trouxe até ao RIAS. Aqui no centro, foi-lhe feito o exame clínico e não foi detectada nenhuma anomalia. Após ter feito testes de voo numa instalação de grandes dimensões, foi de imediato devolvido à natureza pelo segurança que o havia trazido, que o baptizou de “Delta”.


Dia Mundial das Zonas Húmidas, Tavira, 1 de Fevereiro de 2013


Como forma de comemoração do Dia Mundial das Zonas Húmidas, o Centro de Ciência Viva de Tavira em parceria com a Câmara Municipal de Tavira organizaram um dia cheio de actividades para os mais novos. 


O RIAS foi convidado a participar e dinamizou 2 palestras sobre “os segredos das nossas aves” que decorreram nas instalações do Centro de Ciência Viva de Tavira.



O Projecto LIFE Trachemys dinamizou também duas palestras onde deu a conhecer as espécies de cágados que existem em Portugal, as suas principais ameaças e como ajudar na sua conservação. 



Devolução à Natureza de um cágado-de-carapaça-estriada


Devolução à Natureza de um cágado-de-carapaça-estriada (Emys orbicularis)

Lagoa de São Lourenço – Almancil
15 de Janeiro de 2013


Este cágado-de-carapaça-estriada foi recolhido por apresentar problemas respiratórios e de flutuação. Esteve em recuperação nas instalações do Zoomarine em Albufeira e na fase final do processo foi transferido para o RIAS, tendo sido devolvido à natureza poucos dias depois de chegar ao nosso centro.