O RIAS é o Centro de Recuperação e Investigação de Animais Selvagens da Ria Formosa e está localizado em Olhão. Desde meados de 2009 a sua gestão está a cargo da Associação ALDEIA, em parceria com o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) e a ANA-Aeroportos de Portugal, através do Aeroporto de Faro.

quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

Devolução à Natureza de uma Gaivota de Audouin

Devolução à Natureza de uma Gaivota de Audouin (Larus audouinii)
Ilha Deserta - Faro
11 de Dezembro de 2012


Esta gaivota deu entrada no RIAS no dia 10 de Agosto de 2012, apresentando algumas penas das asas partidas e desgastadas, o que a impedia de voar com perfeição. Foi recolhida em Vilamoura por elementos da equipa SEPNA/GNR de Loulé e entregue no centro por um técnico do Parque Natural da Ria Formosa. 




O seu processo de recuperação consistiu em alimentação adequada e treinos de voo assim que as penas novas completaram o seu total crescimento. 



Foi devolvida à Natureza na Ilha Deserta, onde existe uma colónia de reprodução desta espécie que se encontra bastante ameaçada a nível mundial.  

Esta acção teve o apoio do Parque Natural da Ria Formosa que fez o transporte do animal e dos técnicos do RIAS para a ilha Deserta. A gaivota foi baptizada de "Lili" no momento da sua libertação. 


Sem comentários: