O RIAS é o Centro de Recuperação e Investigação de Animais Selvagens da Ria Formosa e está localizado em Olhão. Desde meados de 2009 a sua gestão está a cargo da Associação ALDEIA, em parceria com o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) e a ANA-Aeroportos de Portugal, através do Aeroporto de Faro.

segunda-feira, 24 de setembro de 2012

Devolução à natureza de 17 animais selvagens. 6 Setembro 2012. Olhão e Faro

Devolução à Natureza de 3 cegonhas-brancas (Ciconia ciconia)
Quinta de Marim - Olhão


Estas 3 cegonhas deram entrada no RIAS durante o mês de Julho devido a queda de ninho. Foram recolhidas e entregues no centro por particulares de Olhão, Almancil e Faro. A cegonha proveniente de Olhão apresentava um fractura na pata direita provocada ao cair do ninho. Inicialmente foi necessária uma intervenção cirúrgica para a resolução da fractura e posteriormente foi colocada numa instalação de grandes dimensões para que pudesse exercitar o voo juntamente com outras cegonhas. Os dois outros animais provenientes de Almancil e Faro tratavam-se de crias ainda imaturas e foi necessário aguardar o total crescimento das penas de voo para que posteriormente pudessem exercitar o voo.



Fotografia de Nádia Sousa


Foram devolvidas à Natureza pelos particulares que as encontraram tendo sido baptizadas de AliceChica e Carolina.






Devolução à Natureza de 3 Gaivotas-de-patas-amarelas (Larus michahellis)
Quinta de Marim - Olhão

Estas 3 gaivotas foram entregues no RIAS durante o mês de Junho e Julho tendo sido recolhidas em Albufeira, Lagoa dos Salgados e Alvor. Todas apresentavam sintomas de doença gastrointestinal e como tal, o seu tratamento consistiu inicialmente em fluidoterapia e posteriormente treinos de voo numa instalação exterior.

                                                     Fotografia de Nádia Sousa


                                                Fotografia de Nádia Sousa
                                                Fotografia de Nádia Sousa

As gaivotas foram baptizadas de Pinto, Biquinhos e Luisana.




Devolução à Natureza de 3 Patos-reais (Anas platyrhynchos), 3 frisadas (Anas strepera) e 2 Galeirões-comuns (Fulica atra)
Quinta de Marim - Olhão

Todos estes patos e galeirões deram entrada no RIAS durante o mês de Agosto sendo provenientes de Faro. Apresentavam sintomas compatíveis com Botulismo, o que levou a que o seu tratamento consistisse em fluidoterapia de modo a eliminar a intoxicação. Posteriormente foram colocados numa instalação exterior de grandes dimensões provida de um charco, onde os animais puderam exercitar o voo e natação. 

Fotografia de Nádia Sousa
Fotografia de Nádia Sousa
                                                    Fotografia de Nádia Sousa
                                                  Fotografia de Nádia Sousa




Devolução à Natureza de 3 cágados-mediterrânicos (Mauremys leprosa)
Lagoa de São Lourenço - Almancil 

Estes 3 cágados-mediterrânicos foram entregues no RIAS em Julho e Agosto por particulares que os recolheram em Olhão, Tavira e Faro. Dois deles apresentavam pequenas lesões na carapaça que foram devidamente tratadas aqui no centro. O outro cágado foi recolhido por se encontrar num local pouco apropriado para esta espécie. 


Foram devolvidos à natureza na Lagoa de São Lourenço em Almancil por ser um local de excelência para estes animais. 

Sem comentários: