O RIAS é o Centro de Recuperação e Investigação de Animais Selvagens da Ria Formosa e está localizado em Olhão. Desde meados de 2009 a sua gestão está a cargo da Associação ALDEIA, em parceria com o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) e a ANA-Aeroportos de Portugal, através do Aeroporto de Faro.

terça-feira, 20 de setembro de 2011

Libertação: 19 de Setembro de 2011

Devolução à natureza de 1 camaleão-comum (Chamaeleo chamaeleon)
Quinta de Marim, Olhão

No dia 29 de Agosto deu entrada no RIAS um camaleão-comum, recolhido em Olhão e entregue por particulares, apresentando um membro amputado ao nível da tíbia com exposição do osso.

Face aos sinais clínicos que apresentava suspeitou-se de tentativa de predação. Apesar da ferida se encontrar seca, a equipa de veterinários ponderou a amputação do resto do membro uma vez que a ferida apresentava cor escura. Contudo a ferida acabou por cicatrizar naturalmente após limpeza, não sendo necessária intervenção cirurgica.

Quando se verificou que o animal já se deslocava e alimentava sozinho, os técnicos e voluntários do centro procederam à sua libertação e baptizaram-no de "Capitain Barbossa".





2 comentários:

Eduardo Coelho disse...

ainda n consegui ver um camaleão, desde que me mudei para Faro em Outubro de 2010. ando com azar ;)

RIAS disse...

Boa tarde Eduardo

Dentro da cidade é dificil encontrar camaleões, pode vir visitar a Quinta de Marim aqui em Olhão e tentar procurar por aqui. Temos visto alguns ultimamente :)

Até breve!!
Fábia Azevedo