O RIAS é o Centro de Recuperação e Investigação de Animais Selvagens da Ria Formosa e está localizado em Olhão. Desde meados de 2009 a sua gestão está a cargo da Associação ALDEIA, em parceria com o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) e a ANA-Aeroportos de Portugal, através do Aeroporto de Faro.

quarta-feira, 3 de agosto de 2011

Libertação: 02 de Agosto de 2011

Devolução à natureza de 2 cegonhas-brancas (Ciconia ciconia)
Quinta de Marim, Olhão


Decorreu ontem no Centro de Interpretação do RIAS mais uma acção Ciência Viva de Verão, desta vez subordinada ao tema "As aves e a sua alimentação".
Nesta actividade os participantes tiveram a oportunidade de conhecer várias espécies de aves autóctones, as suas particularidades anatómicas e adaptações consoante a sua dieta e habitat.




Os presentes tiveram ainda a oportunidade de assistir a uma devolução à natureza de duas cegonhas-brancas recuperadas pelo centro.
Uma das cegonhas foi encontrada em Olhão, após ter caido do ninho, por um particular que a encaminhou para o RIAS através dos vigilantes da natureza do Parque Natural da Ria Formosa. Por se tratar de uma cria que não apresentava qualquer lesão, o seu processo de recuperação consistiu em hidratação, alimentação adequada, treinos de voo e contacto com outros indivíduos da mesma espécie.
A outra cegonha foi entregue no RIAS por um particular que a recolheu em Olhão após ter embatido contra um edifício. O exame clínico não revelou nenhuma lesão, apenas pequenos hematomas, pelo que o seu tratamento consistiu em hidratação, repouso, alimentação adequada e mais tarde treinos de voo e contacto com outras cegonhas.



Foram devolvidas à natureza pelos particulares que as encontraram baptizando-as de Branquinha e Padinha.



video

Sem comentários: