O RIAS é o Centro de Recuperação e Investigação de Animais Selvagens da Ria Formosa e está localizado em Olhão. Desde meados de 2009 a sua gestão está a cargo da Associação ALDEIA, em parceria com o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) e a ANA-Aeroportos de Portugal, através do Aeroporto de Faro.

quinta-feira, 5 de maio de 2011

Libertações: 04 de Maio de 2011

Devolução à Natureza de 1 Ganso-patola (Morus bassanus)
Olhão


Na passada Quarta-feira, o RIAS devolveu à Natureza um Ganso-patola que se encontrava em recuperação no centro há cerca de 4 meses.

Esta ave foi encontrada por um particular na praia da Galé e posteriormente encaminhada para o nosso centro através da equipa SEPNA/GNR de Albufeira.
No exame clínico foi observado que ambas as asas e cauda do animal se encontravam conspurcadas com um material resinoso/oleoso, que não nos foi possível identificar.
O processo de recuperação consistiu, para além de uma alimentação cuidada, em lavagens intercalares das zonas afectadas até à restauração da permeabilização.





Estiveram presentes nesta acção técnicos do Parque Natural da Ria Formosa e técnicos do RIAS que baptizaram este animal de Lucinda.

Esta devolução contou com o apoio do Parque Natural da Ria Formosa, a quem desde já agradecemos.






video







Devolução à Natureza de 1 Melro-preto (Turdus merula)
Quinta de Marim, Olhão


Este animal foi encontrado por um particular, junto a uma estrada em Pechão que o recolheu e o transportou até ao nosso centro.

A causa de ingresso deste animal era queda de ninho, uma vez que se tratava de uma cria. Assim sendo, o processo inicial de recuperação consistiu em alimentação cuidada e manutenção da temperatura ambiente ideal. Após este adquirir alguma autonomia, foi colocado junto com indivíduos da mesma espécie e foram realizados alguns treinos de voo.

Após a sua recuperação foi devolvido pelos mesmos particulares que o encontraram.






video





Devolução à Natureza de 2 Tentilhões-comuns (Fringilla coelebs), 1 Milheira (Serinus serinus), 1 Verdilhão (Carduelis chloris) e 1 Pintarroxo (Carduelis cannabina)
Quinta de Marim, Olhão


Estes passeriformes foram recolhidos pela equipa SEPNA/GNR de Faro por se encontrarem em cativeiro ilegal.

As aves estiveram no centro de recuperação durante dois dias somente para exercitarem o voo e se alimentarem.


Foram posteriormente devolvidas à Natureza por técnicos do RIAS.






video

Sem comentários: