O RIAS é o Centro de Recuperação e Investigação de Animais Selvagens da Ria Formosa e está localizado em Olhão. Desde meados de 2009 a sua gestão está a cargo da Associação ALDEIA, em parceria com o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) e a ANA-Aeroportos de Portugal, através do Aeroporto de Faro.

domingo, 10 de abril de 2011

Libertação: 9 de Abril de 2011

Devolução à natureza de uma coruja-do-mato (Strix aluco)
Assêca - Tavira

Fotografia de Marta Santos


Ontem foi devolvida à natureza uma coruja-do-mato que se encontrava em recuperação no RIAS desde Dezembro de 2010. Esta ave foi recolhida por uma particular em Tavira, na zona da Assêca perto de uma estrada, suspeitando-se que tinha sido atropelada. Foi encaminhada para o RIAS pela equipa SEPNA/GNR de Tavira e no exame clínico verificou-se que tinha uma fractura na asa esquerda. O processo de recuperação desta coruja envolveu imobilização da asa, alimentação adequada e treinos de voo e caça.


Esta devolução foi precedida de uma pequena palestra de campo sobre o trabalho do RIAS e a biologia e ecologia desta espécie. Estiveram presentes alguns particulares e elementos da equipa SEPNA/GNR de Tavira.



video


Esta coruja-do-mato foi baptizada de "Peluche" no momento da libertação.


Sem comentários: