O RIAS é o Centro de Recuperação e Investigação de Animais Selvagens da Ria Formosa e está localizado em Olhão. Desde meados de 2009 a sua gestão está a cargo da Associação ALDEIA, em parceria com o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) e a ANA-Aeroportos de Portugal, através do Aeroporto de Faro.

quinta-feira, 24 de março de 2011

Jornadas Formativas: Biologia, Captura e Manuseamento de Cágados Exóticos e Autóctones

A introdução de espécies exóticas é um dos principais problemas da conservação da biodiversidade. Na Europa, o caso das tartarugas aquáticas alóctones é especialmente preocupante para as espécies autóctones Emys orbicularis (cágado-de-carapaça-estriada) e Mauremys leprosa (cágado-mediterrâneo).




Cágado-de-carapaça-estriada (Emys orbicularis)

Para reduzir este impacto pôs-se em marcha o projecto LIFE-Trachemys (LIFE09 NAT/ES/000529), co-financiado pela Comissão Europeia, para o seu desenvolvimento em 17 zonas húmidas da Generalidade Valenciana e Portugal.


Os objectivos principais deste projecto são a diminuição da perda de biodiversidade aquática devido à presença de tartarugas exóticas, sobretudo de Trachemys scripta; a criação de uma estratégia de erradicação de populações selvagens de tartarugas exóticas invasoras; a conservação das populações actuais de anfíbios e tartarugas autóctones e a informação e sensibilização da sociedade para a problemática causada pela libertação de espécies exóticas na natureza e evitar esta prática tão habitual.


Estando este projecto numa fase inicial surgiu a necessidade de formar técnicos e possíveis colaboradores. Neste sentido, decorrereu no passado dia 22 de Março na Universidade de Faro, uma sessão formativa teórico-prática sobre esta temática, organizada pela Associação ALDEIA - RIAS.



Os formadores desta acção foram José Teixeira - coordenador do CIBIO-Div e coordenador nacional do Projecto Life Trachemys e Cesar Ayres da Asociacíón Herpetológica Española.





Estas jornadas tiveram como principais objectivos a formação de potenciais colaboradores interessados em integrar a equipa do projecto e a divulgação do projecto para diferentes entidades.




Caso pretenda saber mais informações sobre este projecto e como colaborar voluntariamente no trabalho de campo, por favor contacte-nos: rias.aldeia@gmail.com


Agradecemos ainda o apoio logístico do NEBUA/UAlg e da Polis Litoral Ria Formosa.

Sem comentários: