O RIAS é o Centro de Recuperação e Investigação de Animais Selvagens da Ria Formosa e está localizado em Olhão. Desde meados de 2009 a sua gestão está a cargo da Associação ALDEIA, em parceria com o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) e a ANA-Aeroportos de Portugal, através do Aeroporto de Faro.

quarta-feira, 21 de julho de 2010

Libertação: 20 de Julho de 2010

Libertação de uma Cegonha-branca (Ciconia ciconia)


15h00 - Tavira
Ponto de encontro: Centro de Ciência Viva de Tavira

Esta ave, um juvenil deste ano, ingressou no RIAS no dia 25 de Junho. Foi encontrada por funcionários da Câmara Municipal de Tavira, recolhida pela equipa SEPNA-GNR desta cidade e entregue no RIAS por um Vigilante da Natureza do PNRF. Não apresentava quaisquer lesões, estando apenas um pouco debilitada. O processo de recuperação consistiu em alimentação, contacto com outras cegonhas e treinos de voo.
Esta cegonha tem a particularidade de possuir uma rectriz de cor preta.


Esta acção foi desenvolvida em colaboração com o Centro de Ciência Viva de Tavira, e estava inserida nas actividades "Biologia no Verão", do programa "Ciência Viva no Verão". Contou com a presença de cerca de 15 pessoas, entre participantes no workshop, elementos do EPNA de Tavira, e representantes do Centro de Ciência Viva e dos salineiros. A cegonha foi baptizada com o nome de "Amizade".

Fotografia de Cécile Godinho

Fotografia de Cécile Godinho

Após a libertação, foi realizado o 1º de 5 workshops "Conhecer os animais de perto!", no referido centro. Esta actividade tem como objectivos conhecer as espécies de animais a partir dos seus vestígios, como penas, egagrópilas, pegadas ou os sons das aves, entre outros, e apresentar o trabalho de recuperação de animais realizado pelo RIAS.


Para mais informações e inscrição nestes workshops, consulte o site do Ciência Viva.

Sem comentários: