O RIAS é o Centro de Recuperação e Investigação de Animais Selvagens da Ria Formosa e está localizado em Olhão. Desde meados de 2009 a sua gestão está a cargo da Associação ALDEIA, em parceria com o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) e a ANA-Aeroportos de Portugal, através do Aeroporto de Faro.

segunda-feira, 28 de junho de 2010

Libertações: 27 de Junho de 2010

Libertação de 1 Gaivota de-asas-escuras (Larus fuscus), 1 Gaivota-de-patas-amarelas (Larus michahellis) e 1 Pato-real (Anas platyrhynchos)
18h00: Lagos (na Ribeira de Bensafrim)
Junto ao Estádio Municipal de Lagos

A primeira ave foi recolhida por se apresentar desnutrida e debilitada, a 2ª ave terá sido vítima de trauma (apresentava uma lesão na asa) e o pato-real encontrava-se também debilitado e apresentava uma pequena ferida num dedo. Foram encontrados por particulares na zona de Lagos e entregues no RIAS por elementos do SEPNA e por Vigilantes da Natureza do PNRF. O processo de recuperação consistiu em tratamento das lesões, alimentação, contacto com outras aves e treinos de voo.


Esta acção contou com a presença de elementos do SEPNA de Portimão e de alguns particulares. As gaivotas foram baptizadas de "Deco" e "Ronaldo" e o pato-real com o nome de "Brutus".

video

video

Libertação de 1 Bufo-pequeno (Asio otus)
20h00: Sagres

Esta ave terá sido vítima de atropelamento, apresentando um traumatismo craniano. Foi recolhida perto da Praia do Belixe por um particular que a entregou numa clínica veterinária em Lagos. Aqui, o animal foi encaminhado para o RIAS através de um Vigilante da Natureza do PNRF. O processo de recuperação desta ave consistiu em tratamento do traumatismo, alimentação e treinos de voo e caça.

Esta acção decorreu na presença do senhor responsável pela recolha da ave, entre outros particulares, que devolveu o bufo à Natureza e o baptizou de "Katrina" (com K!).

video

Sem comentários: