O RIAS é o Centro de Recuperação e Investigação de Animais Selvagens da Ria Formosa e está localizado em Olhão. Desde meados de 2009 a sua gestão está a cargo da Associação ALDEIA, em parceria com o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) e a ANA-Aeroportos de Portugal, através do Aeroporto de Faro.

quinta-feira, 3 de setembro de 2009

Primeiro mês de Voluntariado no RIAS

Após o primeiro mês de voluntariado no RIAS, conseguiu-se um grande avanço na recuperação das instalações do centro.

Apesar da excelente colaboração dos 18 voluntários que efectuaram variadíssimas tarefas ao longo do mês de Agosto, é ainda necessário continuar os trabalhos durante o mês de Setembro. Brevemente divulgaremos o calendário de tarefas para Setembro.

Neste momento, necessitamos urgentemente da ajuda de pessoas que sejam capazes de realizar tarefas relacionadas com:
- Canalizações
- Electricidade
- Colocação de azulejos e pavimento

Além de recursos humanos, necessitamos também de alguns materiais:
- Tinta clara
- Rede de sombra
- Cabos de aço (4 a 8mm)
- Madeiras
- Tecto falso


Caso pretenda contribuir contacte-nos!
927659313


Agradecemos a todos os colaboradores que nos têm ajudado nesta fase inicial!!

3 comentários:

Finca-Pé disse...

Parabéns!
Vocês deram(ão)-lhe bem. Continuem que eu à falta de melhor contributo, envio pensamentos positivos.
Está cada vez mais parecido com um centro de recuperação animal. Mas por agora parece um centro de recuperação muscular! Fábia, que biceps!

Isabel disse...

Fábia,

Parabéns pelo blog, pelo trabalho, pelos biceps (hahaha).
Tu és boa!!!
E muitos mercis a quem te tem ajudado e apoiado em horas difíceis como a de assentar tijolos, cortar mato, carregar telhas and so on.......
Um grande bem-hajam!!!
Beijinhos e xi-corações cor-de-rosa pra vocês!!

burriqueiro disse...

Parabéns!
Deveria haver mais iniciativas deste género.foi pena só ter conhecimento agora deste campo de voluntariado.
estarei disponível p um próximo, com o maior gosto em poder ajudar este projecto. Força!